Conheça os 3 grupos de qualidades essenciais para você se dar bem nos Processos Seletivos

Atualizado: Set 2


Quer moleza? Senta no pudim! Preparado para a verdade? A verdade, amigos, é que processos seletivos são consideravelmente diferentes entre si, por uma série de motivos: áreas diferentes, culturas empresariais diferentes, se são feitos internamente pelo RH ou terceirizados para uma empresa de recrutamento – isso sem citar que muitos são simplesmente mal feitos! Apesar disso, vamos tentar sistematizar os pontos em comum de grande parte dos processos para posições de negócios, consultoria, finanças e áreas correlatas!

E como você, alguém que já tem toneladas de coisas pra fazer, deve usar esse texto? Foque no fácil, no básico! Conforme você suprir os pontos mais fáceis da lista, siga melhorando em pontos de crescente nível de dificuldade! Essa será uma série de 3 textos, sendo que nesse primeiro te daremos de bandeja o que você consegue resolver rápido para dar aquele gás nos processos da semana que vem! Então, mãos à obra!

Divide and Conquer! De forma geral, quando você está sentado na frente do recrutador pela primeira vez, – mãos suando, ansioso, tentando manter a cabeça nas perguntas e não na possibilidade de “o cara do RH” ter percebido que a sua camisa está meio amassada e com uma manchinha de café que você tratou de esconder com a gravata – ele provavelmente tentará depreender 3 grupos de “qualidades”: Soft Skills, Fit Cultural e Hard Skills. Os dois primeiros grupos são complicados de se padronizar e demoram um bom tempo para que consigamos atingir um nível de excelência. Mas calma, amiguinho! É assim com todo mundo! O terceiro grupo é fácil (de padronizar e de mandar bem), olha só que beleza! Por isso, essa é a sua primeira tarefa: detone na parte fácil!

O que não te contaram na faculdade (a parte difícil) Você passou uma vida estudando para desenvolver habilidades que fossem úteis no mercado de trabalho. Se você estudou no Brasil, esse ensino foi quase que totalmente voltado para habilidades racionais – desde uma soma no ensino básico até uma derivada no ensino superior. Não há nada de errado nisso! São habilidades úteis e necessárias, porém as instituições de ensino acabam negligenciando habilidades muito importantes, menos técnicas e que muitas vezes tem mais valor no início da carreira. E adivinhe, essa é a parte difícil e demorada! Estamos falando das famigeradas “soft skills” e do chatíssimo (mas importante na mesma proporção) fit cultural!

Soft Skills São as habilidades interpessoais – comunicação, ética, empatia, motivação, pensamento criativo. Elas são demoradas e difíceis de desenvolver e, por isso, você não deve começar por aqui! Tenha na cabeça que elas existem, são incrivelmente importantes e fique atento aos próximos textos da série!

Fit Cultural Apesar do nome bonito, não passa de uma avaliação do recrutador do quanto você, ser humano único, tem já embutido no seu jeito os preceitos culturais da empresa. Quanto mais isso acontecer, mais fácil será sua adaptação ao seu lugar de trabalho. Difícil, extremamente específico!

Ah, o pudim! – As Hard Skills Demorou, mas estamos aqui naquela parte molezinha. Aquilo que você pode fazer com certa celeridade por você mesmo! As hard skills são aquela parte em que você focou boa parte da vida, que já devem ter um bom grau de desenvolvimento e que você só precisa de algumas dicas e um esforço pequeno para ganhar uma vantagem considerável com elas! Hard skills são habilidades e conhecimentos técnicos para fazer um trabalho específico: programação, finanças, línguas, entre outros. Dentre elas, existem duas que são indiscutivelmente as mais cobradas nas áreas citadas – inglês e Excel!

Íngrixi que fala, né? É muito provável que você já tenha tido contato com o inglês e já tenha estudado um pouco. Ele é de importância vital para os processos seletivos das empresas mais bem estruturadas, maiores e com abrangência global. Dito isso, o inglês do cotidiano – the sky is blue, the book is on the table, roses are red and violets are blue – é o início da brincadeira. E aqui vem a nossa dica: business english!

Cada vez mais as escolas vêm trazendo cursos que focam no vocabulário envolvido em ambientes de trabalho. Nesses cursos, você tem contato não só com vocabulários mais técnico e formalmente adequado, como também com as estruturas mais comuns e o modo mais educado de falar um bom inglês corporativo. Faça um desses cursos! Eles normalmente são curtos e costumam caber no bolso.


O Todo Poderoso Excel Sim, ele. Não tem como fugir. Sempre irão te perguntar se você sabe, o quanto você sabe e provavelmente pedir pra você provar que sabe. O Excel é tão importante que o desconhecimento completo da ferramenta acaba eliminando candidatos até mesmo antes da primeira entrevista! Se inglês é a linguagem do mundo dos negócios, o Excel é a ferramenta do mundo dos negócios!

Quer um exemplo? Já ouviu falar de uma empresinha legal chamada Uber? No processo seletivo do Uber, você será submetido a uma prova de duas horas para provar que você conhece profundamente o Excel. Você recebe uma planilha com dados crus e desorganizados, tendo a tarefa de, usando qualquer dos recursos do Excel (não, eles não te dão dicas do que usar) para chegar a conclusões sobre questões práticas da vida da empresa, como por exemplo medir o desempenho de motoristas ou tentar prever quando o preço das viagens vai ficar mais alto. Obviamente esse é apenas um exemplo, mas a ideia é válida para um incontável número de empresas nas quais você quer trabalhar!

Aqui, a gente te dá outra dica e dessa vez não precisa ir longe pra conseguir resolver o problema se você não sabe Excel: procure um curso! Eles costumam ser rápidos e cabem no bolso!

Se você quiser aprender mais sobre o que o Excel é capaz de fazer, acesse nosso mini-curso gratuito "Aprenda 3 ferramentas essenciais do Excel", é só se inscrever e começar, sem burocracia.


A Beat The Market Co. é uma escola de negócios e mercado financeiro com foco em universitários e recém-formados e que tem como propósito desenvolver jovens para uma vida profissional de sucesso. Com uma abordagem aplicada, não se contenta com transmissão de conteúdo e busca ensinar como resolver problemas reais com o que foi estudado.



Além disso fique de olho aqui no blog da BTM. E, se você gostou do conteúdo, compartilhe com seus amigos e amigas para que eles possam aprender também! ;)


Quer uma ajudinha para dar um up no seu currículo e impressionar seus recrutadores e colegas de trabalho? Conheça nossos cursos! A BTM está com as inscrições abertas! Confere lá e vem ser #TeamBTM!

Excel: Básico ao Avançado | 40h - Abrangente em conteúdo e condensado em carga horária. Com CASES REAIS de situações que serão enfrentadas no dia a dia de trabalho.


Programação em VBA | 40h - Automatize e ganhe uma produtividade surpreendente! Estamos na era digital, não fique atrasado no tempo!


#Processoseletivo #HardSkills #FitCultural #SoftSkills #Excel

443 visualizações
  • BTM Co. - Youtube
  • BTM Co - Linkedin
  • BTM Co - Facebook

Beat the Market Co.

CNPJ: 27.542.195/0001-58

WhatsApp: (11) 94376-6919

TEM DÚVIDAS?

A GENTE TIRA!